• Redação

Santo André lança mapeamento dinâmico do sistema de iluminação pública

Unidade móvel traz sensores e câmeras que percorrerão as ruas da cidade coletando possíveis melhorias na estrutura

Reconhecida pela excelência na gestão da iluminação pública, Santo André segue oferecendo à população serviços de alta qualidade na iluminação de vias, praças e outros pontos da cidade. Para manter os elevados padrões de qualidade, o município realiza investimentos contínuos em obras e serviços de modernização do parque luminoso e implementação de inovações tecnológicas nos segmentos de prevenção de falhas, redução de perdas e melhorias do funcionamento do sistema.

Neste contexto foi lançado nesta segunda-feira (28) o Mapeamento Dinâmico, uma unidade móvel que percorrerá as vias do município em períodos alternados durante o dia, coletando informações que serão utilizadas para programar manutenções preventivas, projetos de modernização e evitar perdas financeiras decorrentes de furtos e extravios.

"Os impactos destes programas e tecnologias são diversos. Financeiramente para toda população, nos custos para todos, ajuda na sensação de segurança e estamos perto de metade do nosso parque luminoso da cidade inovado. Seguimos caminhando dentro do nosso conceito das Cidades Inteligentes, com Santo André mais conectada e com qualidade de vida", afirmou o prefeito Paulo Serra.

O Mapeamento Dinâmico é mais um importante aliado para apoio no conhecimento das condições de funcionamento do sistema de iluminação, que permite identificar com precisão a localização dos ativos de iluminação como transformadores e luminárias, identificando suas características e condições de funcionamento.

O sistema é composto por um conjunto de sensores e câmeras instaladas na unidade móvel. Através de câmera serão coletadas imagens diurnas e noturnas de cada ponto luminoso. Os algoritmos são baseados em sistema de informações geográficas que apoiam o controle de localização georreferenciada dos pontos.

A unidade tem ainda luxímetros que medem a quantidade da iluminação das vias, gerando um mapa de iluminância que indica localização de lugares escuros e falhas no sistema e ainda um inovador sistema de rádio frequência (RFID) instalado nas luminárias e em outros ativos do parque luminoso, permitindo o controle patrimonial reduzindo perdas e extravios.

Essas tecnologias acopladas à unidade de mapeamento dinâmico estão sincronizadas ao sistema de gestão atualmente instalado e devem trazer melhorias significativas ao moderno sistemas de telegestão já em funcionamento em Santo André, com ganhos para a área de manutenções e de melhorias, conferindo maior agilidade e controle na aplicação de recursos públicos.

Banho de Luz - O programa Banho de Luz, ação de modernização, troca e aumento na eficiência energética das luminárias de Santo André, alcançou a marca de 45% de cobertura dos pontos na cidade. Este número foi possível graças à aquisição de equipamentos modernos, com melhor desempenho energético e com foco no aumento da luminosidade. Uma nova etapa foi instalada nesta segunda-feira no Jardim Bom Pastor.

O parque de iluminação pública da cidade é composto por aproximadamente 53 mil pontos. A modernização feita pela Prefeitura, além de gerar economia no consumo de energia elétrica, estimada em R$ 5 milhões por ano, melhora a qualidade da luminosidade que é proporcionada aos munícipes. O programa está no Plano de Metas, com a previsão de 100% de cobertura no município até o final de 2024.

A Prefeitura mantém à disposição da população, 24 horas por dia, sete dias por semana, o call center da iluminação, um importante instrumento de comunicação com as equipes de manutenção, pelo telefone 0800-7742100. Neste número, ao registrar um protocolo, o munícipe é avisado por SMS quando o chamado entrar no sistema e o serviço for executado. Para uma lâmpada queimada, o prazo de reparo é de até 24 horas. Para locais com mais de quatro lâmpadas com problemas, o prazo é de até 72 horas.

Avaliação - A aprovação da iluminação pública de Santo André disparou entre novembro de 2020 e abril de 2021. A taxa de contentamento da população, que somava 57,9% em novembro, saltou para 74,2% em abril deste ano. Na avaliação geral dos serviços públicos, que elencam os 16 setores da cidade, a iluminação ocupa atualmente o 2º lugar.

A pesquisa realizada pela INDSAT aconteceu na primeira semana de abril e ouviu 600 moradores maiores de 16 anos, considerando margem de erro de 4% e intervalo de confiança de 95%. No Índice de Satisfação, Santo André somou 746 pontos, alcançando o Alto Grau de Satisfação do Serviço.xa

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png