• Gabriela Dutra

Santo André inicia celebrações dos 469 anos com homenagem a João Ramalho

Sexta-feira de aniversário terá ainda abertura da Feira da Fraternidade e inauguração do Cine Theatro Carlos Gomes


As celebrações pelo aniversário de 469 anos de Santo André nesta sexta-feira (8) tiveram início às 8h, com homenagem ao fundador da cidade, João Ramalho.

A primeira parte da cerimônia foi realizada na Passarela Luso-Brasileira Américo Pinto Serra, na Praça IV Centenário. A Banda Lira executou os hinos de Portugal, do Brasil e de Santo André. A celebração contou com representantes do Tiro de Guerra, Polícia Militar e escoteiros.

Durante seu discurso, o prefeito Paulo Serra destacou o simbolismo das celebrações deste ano, após dois aniversários que aconteceram em meio a uma intensa batalha de combate ao coronavírus.

"É uma alegria estar aqui nessa manhã. Esperamos muito esse momento acontecer, depois de dois anos a gente pode celebrar de novo o aniversário da nossa cidade. Em março de 2020 havíamos preparado um calendário especial para celebrar os 467 anos do município, aí veio esse que foi o maios desafio da história recente da humanidade. E foi na dificuldade que Santo André se mostrou enorme", afirmou o prefeito Paulo Serra.


A cerimônia foi finalizada em frente à estátua de João Ramalho, localizada na Praça dos Correios, onde foi colocada uma coroa de flores.

"A comunidade luso-brasileira se sente honrada nesse momento, prestando significativa homenagem ao fundador da nossa Santo André, João Ramalho. Uma cidade que alcançou sucesso absoluto em sua evolução, para satisfação de todos nós que aqui residimos e trabalhamos", afirmou o presidente da Casa de Portugal no Grande ABC, Paulo Augusto de Freitas.

Fundador - De origem portuguesa, nascido na cidade de Vouzela em 1493, João Ramalho é filho de João Vieira Maldonado e Catarina Afonso de Valbode.

Aventureiro e explorador no Planalto de Piratininga, fundou a cidade de Santo André em 8 de abril de 1553, chamada na época de Santo André da Borda do Campo, posteriormente elevada a Vila pelo Governador Geral Tomé de Souza.

Feira da Fraternidade - O dia de aniversário de Santo André terá ainda outras atrações. Ao meio-dia acontece a abertura da Feira da Fraternidade, no estacionamento do Paço Municipal.

O evento vai acontecer de 8 a 10 de abril, das 12h às 22h. Serão ao todo 57 barracas com comidas típicas de 12 países, além de atrações musicais, beer trucks, tendas de artesanatos e roupas, espaço kids, brinquedos, cabine com câmera 360º e muito mais. A entrada é uma doação de dois quilos de alimentos não perecíveis.

Entre os pratos disponíveis, a feira contará com: yakissoba, bolinho japonês, tempurá, hambúrguer artesanal, crepes, buraco quente, pizzas, massas, lanche de mortadela, churros espanhóis, choripan (hambúrguer artesanal de linguiça), além de comidas típicas do Brasil, como os produtos de Cambuci e derivados, feijão tropeiro e torresmo de rolo, entre outros.

Nesta sexta, se apresentam no palco da Feira da Fraternidade Valente e Soberano (13h30), Os Robertos (17h) e Motown – clássicos nacionais (19h30).

Todos os eventos e atividades em comemoração ao aniversário de Santo André estão disponíveis no site https://santoandre469anos.com.br/programacao/. As atrações e locais contam com pontos para arrecadação de alimentos, roupas, calçados, cobertores, brinquedos, itens de higiene, entre outros, dentro da campanha “Doar é um ato de amor”, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade.

A programação dos 469 anos de Santo André é uma apresentação da Sabesp, com realização da RM Serviços de Comunicação e apoio da Prefeitura de Santo André e Fundo Social de Solidariedade. O patrocínio é da Prometeon, com co-patrocínio de Patriani, Ossel, Nova Ceasa e Grand Plaza Shopping.

Cine Carlos Gomes - Nesta sexta-feira de aniversário, Santo André ganhará de presente o Cine Theatro de Variedades Carlos Gomes. A cerimônia de entrega do espaço, totalmente revitalizado, terá início às 19h. Será realizado um ato solene, projeção de imagens antigas do emblemático espaço cultural e apresentação ‘Homenagem a Carlos Gomes’, com a Orquestra Sinfônica de Santo André (Ossa).

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png