• Kako Vasconcelos

Psicóloga desenvolve trabalho voluntário sobre Adoção

Livros, palestras, orientações sobre o assunto e a maternidade pelas vias da adoção

movem a vida de Maria Angélica.  


"Fui adotada aos 56 anos - Uma história real de adoção tardia" Crédito: Arquivo pessoal

Ajudar crianças e adolescentes que estão nos abrigos à procura de um lar e uma

família que os ame, é o que motiva um trabalho de pura dedicação e carinho

desenvolvido pela psicóloga Maria Angélica Amarante dos Anjos, moradora de São

Bernardo do Campo/SP.  


Além da formação acadêmica em psicologia, Maria Angélica adquiriu diversos

conhecimentos sobre o mundo da adoção, desde que se tornou mãe do menino

Jonas, que chegou ao lar da família em 2014, aos oito anos e meio de idade. 


De lá para cá, além de se dedicar a maternidade, a psicóloga tem disponibilizado um

tempo da sua rotina em prol de auxiliar casais e famílias de diversos locais do Brasil

que possuem dúvidas ou preconceitos sobre a adoção, ou que estão na fila de espera

para adotar e encontram dificuldades no processo, que infelizmente ainda é muito

burocrático no Brasil.  


Para isso, a psicóloga criou a página no Facebook “Anjos da Guarda – Serviços de

Apoio à Adoção”, que conta mais de 3 mil seguidores e que além de receber diversas

mensagens e relatos de experiências deste público, possui conteúdos exclusivos

produzidos por Angélica. 


Mas, o que a psicóloga não imaginava era que a página e o trabalho iniciado em 2015

resultariam em diversos outros projetos. Dentre eles, palestras em diferentes locais do

Brasil, convites para participar de reuniões de Grupos de Apoio à Adoção e até mesmo

o lançamento de dois livros sobre o tema. 


De psicóloga para escritora

A primeira obra, lançada em 2019, cujo título é “Fui adotada aos 56 anos – Uma

história real de adoção tardia” compartilha com os leitores as experiências da

maternidade de Angélica. O livro, foi resultado de uma premiação que a psicóloga

recebeu do Edital ProAc, promovido pela Secretaria de Cultura de São Paulo.  



O segundo livro, foi lançado neste ano, em uma data muito especial: 25 de Maio – Dia

Nacional da Adoção, e tem como título “Histórias na Varanda – Conversas sobre

adoção e a vida”. O escrito também foi resultado de mais uma premiação que a

psicóloga conquistou. Desta vez, da Lei Aldir Blanc, do Governo Federal e da

Secretaria de Cultura e Juventude de São Bernardo do Campo. 


"O nosso trabalho teve início e seguirá sempre na colaboração para que um dia não

haja crianças e adolescentes em abrigos, e que todos estejam em famílias amorosas e

apoiadoras. Quando este objetivo for alcançado, temos a certeza que o mundo será

um lugar bem melhor, cheio de amor e paz", finaliza a psicóloga.


 

Serviço  

Visite a página do Facebook “Anjos da Guarda – Serviços de Apoio a Adoção” e

confira mais sobre o trabalho da psicóloga: https://www.facebook.com/Anjos679


Para adquirir os livros: 

Livro : Fui Adotada aos 56 anos - uma história real de Adoção Tardia 

R$ 31,50 c/ frete incluso 

Livro: Histórias na Varanda - conversas sobre Adoção e Vida 

R$ 37,00  c/ frete incluso 

 

Pagamento: 

Pix: chave (11)972575660 

Enviar comprovante e endereço para entrega 

Encomendas e informações: whatsapp (11)972575660 

Obs: Os livros são embrulhados para presente e com dedicatória especial, conforme

solicitado pelo cliente.

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png