• Redação

Nova estimativa do IBGE aponta Grande ABC com 2,825 milhões de habitantes

Estudo é referência para indicadores sociais, econômicos e demográficos

As sete cidades do Grande ABC totalizaram 2.825.048 de habitantes em julho deste ano, segundo estimativa divulgada nesta sexta-feira (27/8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No mesmo mês de 2020, era estimada uma população de 2.807.417 pessoas no Grande ABC. O estudo aponta a cidade de São Bernardo do Campo como a mais populosa da região, com 849.874 moradores, seguida de Santo André (723.889), Mauá (481.725), Diadema (429.550), São Caetano do Sul (162.763), Ribeirão Pires (125.238) e Rio Grande da Serra (52.009). Ainda segundo a estimativa, o Brasil tem 213,3 milhões de habitantes e São Paulo, estado mais populoso do país, soma 46,6 milhões. O estudo do IBGE é utilizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) como um dos parâmetros para o cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios. Além disso, é uma referência para indicadores sociais, econômicos e demográficos. O presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra, ressaltou que os dados atualizados são fundamentais para a elaboração de políticas públicas para as sete cidades. “O diagnóstico populacional nos permite realizar um planejamento mais preciso para as ações que trazem avanços e desenvolvimento para o Grande ABC. Prova disso é a precisão na vacinação dos grupos, trazendo uma perspectiva clara do avanço da imunização na região”, afirmou Paulo Serra.

Foto: Angelo Baima/PSA

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png