• Redação

Jair B. chama Doria de 'calcinha apertada' e não se responsabiliza por efeitos colaterais de vacina



Na véspera do Natal, o presidente Jair Bolsonaro fez uma transmissão ao vivo em redes sociais e dedicou parte dela para atacar o governador de São Paulo, João Doria, defender o armamentismo e para dizer que não se responsabilizará por efeitos colaterais de vacinas contra a o novo coronavírus distribuídas pelo governo.

"Eu não me responsabilizo por ninguém. Afinal, quem tem que se responsabilizar por medicamento não sou eu", afirmou Bolsonaro.

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png