• Marcos Paulo Silva

GCM de São Bernardo passa por capacitação para combate à violência doméstica

Em parceria com o MP-SP, guardas iniciaram treinamento do programa Guardiã Maria da Penha; corporação também prestou homenagem a agentes que se destacaram no último mês


A Prefeitura de São Bernardo fechou a semana com acenos positivos à Guarda Civil Municipal (GCM), por meio de ações de reconhecimento e capacitação dos guardas. Na última quinta-feira, a Secretaria de Segurança Urbana deu pontapé para qualificação de agentes para o combate à violência doméstica e familiar. Durante uma tarde inteira, 18 guardas participaram de capacitação promovida pela administração em parceria com o Ministério Público de São Paulo (MP-SP), no âmbito do projeto Guardiã Maria da Penha.

Na aula inaugural, os guardas (de ambos os gêneros) foram instruídos sobre possíveis intervenções em situações de violência doméstica e familiar, além de compartilharem experiências de ocorrências dessa espécie.

Na ocasião, a promotora Valéria Diez Scarance Fernandes, coordenadora do núcleo de gênero do MP-SP, exemplificou situações que caracterizam violência doméstica e orientou como os guardas podem agir em episódios críticos, como no caso de vítimas que se recusam a denunciar formalmente seus agressores. A promotora Érika Pucci da Costa, da 16ª Promotoria de Justiça, também conduziu a capacitação.


HOMENAGEM - Já na manhã desta sexta-feira (18/2), a Secretaria de Segurança Urbana entregou certificados de reconhecimento a dois GCMs que se destacaram em suas atividades e atuaram em ocorrências relevantes no mês de janeiro. Os guardas Luiz Carlos Laurentino (GCM 1ª Classe) e Luana Rosa Cesar (GCM 2º Classe) receberam homenagem por terem atuado em uma operação que culminou com a queda de uma quadrilha especializada em roubo de veículos – três suspeitos foram detidos - e o desempenho da dupla foi preponderante para a recuperação de cinco automóveis, seis celulares e R$ 1.882 em espécie.

“Nós sabemos das dificuldades que é trabalhar na ponta da linha. Sei da falta de reconhecimento da sociedade e de algumas autoridades. Não é fácil. Vocês são merecedores”, ressaltou o secretário de Segurança Urbana, coronel Carlos Alberto dos Santos. “Receber essa homenagem é uma prova de reconhecimento do nosso trabalho e isso acaba nos incentivando a trabalhar todos os dias”, confidenciou Luana. “A dificuldade é inevitável, como em todos os setores. Mas quando você é reconhecido, é excepcional”, complementou Laurentino, que ainda recebeu uma segunda honraria, de ‘GCM do Mês’, pela contribuição em inúmeras ocorrências ao longo da sua jornada na corporação.

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png