• Redação

Fundo Social de Solidariedade de S. Bernardo distribui 1100 cestas para ambulantes e permissionários

Kits de alimentos foram doados pela BASF e são destinados aos profissionais com cadastro na Secretaria de Serviços Urbanos

A Central de Doações do Fundo Social de Solidariedade (FSS), maior ação de arrecadação de alimentos da região, com 865 toneladas, acaba de receber a doação de 1.100 cestas básicas da BASF. Esses alimentos começam a ser distribuídos para ambulantes e permissionários, com cadastro na Secretaria de Serviços Urbanos, nesta sexta-feira (16/04). As entregas continuam nos dias 19 e 20. A empresa também doou mais 1.063 cestas para o Instituto Geração Futura, entidade da qual é “madrinha” por meio do programa “Adote uma Entidade”, desenvolvido pelo FSS. No total, foram doadas 2.163 cestas básicas.

Os kits de alimentos foram recebidos pelo prefeito Orlando Morando, na manhã desta sexta-feira (16/04), na sede da Secretaria de Serviços Urbanos, acompanhado da presidente do FSS, Márcia Morando, do vice-prefeito e titular da pasta de Serviços Urbanos, Marcelo Lima, da coordenadora administrativa do Instituto Geração Futura, Simone Alves, e dos representantes da BASF: Ricardo Gazmenga (diretor de operações do Complexo de Tintas e Vernizes BASF para a América do Sul), Marcos Fernandes (diretor de Tintas Automotivas da BASF para a América do Sul) e Ricardo Torres Nunes (gerente operacional da BASF para a América do Sul).

“A pandemia de coronavírus está em um dos momentos mais difíceis. Não está apenas tirando vidas, mas tem impactado negativamente as atividades econômicas. Há um ano, o Fundo Social tem trabalhado para que as pessoas afetadas não fiquem sem alimentos. A doação vinda de grandes empresas, como a BASF, reforça a seriedade da ação feita pelo FSS”, afirmou o prefeito Orlando Morando.


A presidente do FSS, Márcia Morando, enfatizou a importância de a iniciativa privada fazer parte desta corrente do bem ao lado do município. “O Fundo Social de Solidariedade tem atendido categorias de trabalho que sofreram perda de renda em virtude da pandemia. Com o fechamento do comércio, os ambulantes e permissionários ficaram impedidos de trabalhar. Estamos felizes por apoiá-los neste momento difícil”, disse.


FRENTES DE SOLIDARIEDADE – A Prefeitura de São Bernardo lidera duas frentes de arrecadação de alimentos. A primeira é composta pela Central de Doações, comandada pelo Fundo Social de Solidariedade. Grande parte das doações são oriundas da iniciativa privada. Os públicos atendidos compreendem categorias de trabalho que tiveram perda total ou parcial de seus rendimentos familiares e famílias assistidas pelas entidades do terceiro setor cadastradas no FSS. Interessados em realizar doações podem entrar em contato pelo telefone (11) 2630-4112 ou pelo e-mail fundo.social@saobernardo.sp.gov.br.


A outra frente de arrecadação ocorre nos cinco postos de vacinação contra a Covid-19 e nos 27 postos de imunização contra a gripe por meio da campanha “Vacina contra a Fome”. Essa ação convida pessoas que vão se vacinar e seus acompanhantes a levar 1 quilo de alimento não perecível. A campanha é realizada pelo Fundo Social de Solidariedade e Secretaria de Assistência Social do município, com apoio na divulgação do Governo do Estado. Até o momento, foram contabilizadas 15 toneladas arrecadadas e 1.200 kits de alimentação distribuídos para famílias referenciadas nos CRAS (Centro de Referência de Assistência Social).

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png