• Redação

Cinema Pontos MIS exibe ‘O Beijo da Mulher Aranha’

Receberá também Myra Babenco, Simone Zuccolotto e Michelle Britto em bate-papo ao vivo

“O Beijo da Mulher Aranha”, de Héctor Babenco, um dos maiores clássicos do cinema brasileiro, é destaque na programação do Pontos MIS, programa de formação e difusão cultural do Museu da Imagem e do Som em parceria com a Secretaria de Municipal de Cultura de São Caetano do Sul (Secult).

O longa vai ficar disponível até o dia 15 de maio, quando será realizado o “Bate-papo de Cinema Pontos MIS”, às 18h, no canal do Museu no Youtube, com tradução simultânea em Libras. Para assistir, basta se inscrever pelo link: https://forms.gle/VyWciDv1coAh7bk98. O filme tem classificação etária de 16 anos.

O debate terá como convidadas a filha do cineasta e diretora da HB Filmes, Myra Arnaud Babenco, Simone Zuccolotto, que é jornalista, diretora, roteirista e crítica de cinema, e a cineclubista da Spcine, Michelle Britto. A mediação é de Bruno Cucio: professor, cineasta, sócio da Travessia Filmes e coordenador pedagógico do Instituto de Cinema de São Paulo. Não é preciso inscrição prévia para participar.

“O Beijo da Mulher Aranha” representou um marco na emergência do cinema brasileiro no cenário internacional, foi a obra que lançou Sonia Braga no exterior. É protagonizado por William Hurt, vencedor do Oscar pela sua atuação como Molina, um homossexual que divide cela com Valentim, revolucionário que foi torturado nos porões da ditadura latino-americana. Molina tenta mantê-lo vivo por meio de suas histórias fantásticas em que mistura fatos reais com trechos de filmes.

A edição integra a Mostra Babenco, que apresenta três obras de um dos mais importantes cineastas do Brasil, ao longo dos três próximos sábados, em comemoração aos 51 anos do MIS e em homenagem ao diretor, que completaria 75 anos em 2021. A Mostra acontece em parceria com a Spcine Play e a HB Filmes.

FICHA TÉCNICA

“O Beijo da Mulher Aranha”

Direção: Héctor Babenco

Com: William Hurt, Raúl Julia e Sônia Braga

Drama, 1985, 120 minutos

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png