• Victor Oliveira

Braskem capacita cerca de 60 mulheres e estimula empreendedorismo feminino no ABC

A iniciativa “Empreendedoras Braskem” promoveu a capacitação de mulheres que possuem o próprio negócio, além de incentivar a geração e o aumento de renda na região


A segunda edição do projeto Empreendedoras Braskem, iniciativa da companhia em parceria com a Rede Mulher Empreendedora (RME), acaba de formar e capacitar gratuitamente cerca de 60 mulheres. O objetivo do programa é incentivar o empreendedorismo e a geração de renda para mulheres que integram comunidades localizadas no entorno das unidades da Braskem, na região do ABC, na Zona Leste de São Paulo e em Duque de Caxias (RJ).

A primeira edição do Empreendedoras Braskem foi realizada em 2019. Entretanto, em função da pandemia, a iniciativa precisou ser suspensa no ano passado e teve sua retomada em 2021, com uma turma on-line iniciada em maio. Para a segunda turma, houve um aumento de 95% nas inscrições em relação a edição anterior. A escolha das empreendedoras participantes atendeu a um processo de inclusão social e análise de perfil das candidatas, como escolaridade, existência de empreendimento anterior e desejo de investimento.

Durante quase seis meses, as alunas - entre artesãs, cozinheiras, comerciantes e prestadoras de serviços – tiveram mais de 30 horas de aulas e 18 horas de mentorias com funcionários voluntários da própria companhia, focadas em segmentos como administração, finanças, logística, comunicação, recursos humanos, entre outros.

Para a Braskem, o projeto é de extrema importância para o desenvolvimento socioeconômico de mulheres da região em torno do polo petroquímico. “Por meio dessa oportunidade, a Braskem busca fomentar o crescimento e a inclusão de mulheres que possuem o próprio negócio. Esse processo de empoderamento é bastante positivo não somente para as participantes, mas também para suas famílias e para a economia local”, explica Sylvia Tabarin, gerente de Relações Institucionais da Braskem.

Ao fim do projeto, os mentores voluntários realizaram uma votação para definição das três empreendedoras que mais se destacaram em suas apresentações finais. Em São Paulo, a aluna Meire Elen de Oliveira conquistou o primeiro lugar e foi premiada com o valor de R$ 3 mil, enquanto a aluna Ivanir da Silva dos Anjos recebeu R$ 1 mil pelo terceiro lugar. O segundo lugar ficou para aluna de Duque de Caxias, Ana Cláudia Soares da Silva, que recebeu como prêmio R$ 2 mil, totalizando o valor de R$ 6 mil destinado às vencedoras.

A vencedora desta edição, Meire Elen de Oliveira, pontua como foi importante a participação no projeto para seu negócio e como ela pode enxergar novos horizontes através da mentoria. “Está sendo revolucionário no meu negócio. Eu achava que já tinha tudo muito claro na minha mente, mas me surpreendi depois que comecei a ouvir as dicas e comentários das minhas colegas. Eu passei uma fase muito difícil no meu negócio e agora é como se o sol voltasse a brilhar, estou cheia de expectativa em relação ao que eu vou conseguir fazer”, finalizou a vencedora.

Em três meses de programa, cerca de metade das participantes constataram aumento de arrecadação por meio de seus empreendimentos, além da criação de três novos negócios abertos. Desde o início do projeto, mais de 120 mulheres já foram impactadas e puderam aprender e desenvolver ferramentas para aprimorar seus negócios.

Sobre a Rede Mulher Empreendedora

Primeira e maior rede de apoio a empreendedoras do Brasil, a RME existe desde 2010 e tem mais de 750 mil pessoas conectadas em rede. Com o objetivo de fomentar o protagonismo feminino no empreendedorismo, auxiliar quem quer empreender e quem quer se inserir no mercado de trabalho, a RME promove eventos anuais como a Virada Empreendedora e o Fórum Empreendedoras; eventos mensais como Café com Empreendedoras e Mentorias; também conta com um programa de aceleração, o RME Acelera, cursos intensivos para quem quer empreender, trilhas de conhecimento on-line e o programa RME Conecta, que faz a ponte entre negócios de mulheres com grandes empresas para negociação e fornecimento B2B.

Sobre a Braskem

Com uma visão de futuro global, orientada para as pessoas e para a sustentabilidade, a Braskem está engajada em contribuir com a cadeia de valor para o fortalecimento da Economia Circular. Os 8 mil Integrantes da petroquímica dedicam-se diariamente para melhorar a vida das pessoas por meio de soluções sustentáveis da química e do plástico. A Braskem possui DNA inovador e um completo portfólio de resinas plásticas e produtos químicos para diversos segmentos, como embalagens alimentícias, construção civil, industrial, automotivo, agronegócio, saúde e higiene, entre outros. Com 40 unidades industriais no Brasil, EUA, México e Alemanha e receita líquida de R$ 58,5 bilhões (US$ 11,3 bilhões), a companhia exporta seus produtos para Clientes em mais de 100 países.

Braskem nas redes sociais

www.facebook.com/BraskemSA

www.linkedin.com/company/braskem

www.twitter.com/BraskemSA

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png