• Redação

Ação conjunta leva à apreensão de materiais roubados ou furtados



Uma operação deflagrada na tarde da última sexta-feira, dia 1 de outubro, com o objetivo de fiscalizar comércios na região central que poderiam estar servindo como receptadores de materiais roubados ou furtados, apreendeu 600 quilos de cabos de energia, 21 quilos de fios de cobre, 27 placas de veículos, duas máquinas de cartão e R$ 645,35 em dinheiro.

Seis pessoas foram presas, sendo quatro homens e duas mulheres, todas maiores de idade e enquadradas em crime de receptação (artigo 180 do Código Penal).

A ação reuniu a Guarda Municipal de Campinas, Secretaria de Planejamento e Urbanismo (Seplurb), Serviços Técnicos Gerais (Setec), Polícia Civil e Polícia Militar.

Foram vistoriados 15 comércios e três foram notificados pela Seplurb e dois multados pela Setec. Duas bancas foram removidas pela Setec, uma por comércio de jogos de azar ilícitos e outra por apresentar resquícios de armazenagem de possíveis entorpecentes.

A comandante da Guarda Municipal de Campinas considerou o resultado da operação como positivo. “Diante da quantidade de material apreendido, conseguimos atingir o objetivo, que foi trabalhar a receptação de produtos com origem ilícita”, avaliou.

A comandante também ressaltou a importância do trabalho conjunto entre as secretarias da Prefeitura e as polícias. “Estas operações integradas otimizam e agilizam o trabalho”, concluiu.

eliane-silex-preto-po-90x90cm-01.jpeg.png